9 dicas para te ajudar a crescer no Instagram organicamente

Date
nov, 01, 2019

Primeiro conselho que tenho a te dar antes de começar a seguir esses passos é que você aprenda a ter paciência se você não tem, controle sua ansiedade e não crie altas expectativas.

Ninguém explode um negócio assim do nada, é sempre algo viral. E toda coisa viral um dia chega a ser esquecida ou decai muito, principalmente se ela não tem a consistência necessária para manter todas as pessoas que descobriram essa coisa permanentes ali.

Então a moral desse conselho é você entender que todas essas medidas vão depender da sua disciplina e muita consistência, dedicação e tempo. Você criando um bom conteúdo e tomando as medidas certas para manter a qualidade do seu serviço/produto e conteúdo, tudo vai ir bem e recompensar – e quem sabe até mesmo crescer num tempo menor que o normal.

1. Foque num nicho que você gosta

Seja como criador de conteúdo ou para criar um negócio criativo, você não vai conseguir crescer e muito menos ser feliz se não entender e gostar do que está fazendo.

Ser empreendedor e trabalhar com a internet demanda muito tempo, dedicação e desgasta muito ás vezes. Tudo depende principalmente de você, e se for inicialmente um trabalho solitário, você vai ter que fazer de tudo e todas as áreas que forem necessárias. Mais importante: Você quem distribui suas tarefas e tempo.

Não é pra te assustar, é apenas pra você entender que não adianta nada você focar algo que não gosta de verdade. Você vai acabar desistindo no meio do caminho e só perdeu tempo.

Foque no que ama e quando tudo crescer vai recompensar de verdade, eu te garanto. Um nicho que seja importante pra você não só te fará feliz mas também vai te fazer crescer de forma genuína, você sempre vai querer aprender e evoluir na área e as pessoas vão ver que você gosta disso.

2. Procure (ou aprenda a) ser autoridade no assunto

Uma das coisas que mais ajudam uma pessoa que trabalha com internet a crescer, seja em termos de público ou rentabilidade é confiança. Construir a sua autoridade pouco a pouco no seu conteúdo e se tornar autoridade no assunto, é também construir confiança.

E se as pessoas confiam em você, ou no seu negócio, elas investem em você. Seja tempo, dinheiro, audiência… Elas acompanhar você e acreditar no seu trabalho porque confiam em você e sabem que você sabe do que está falando.

Se você é autoridade em um assunto, sabe do que está falando e as pessoas confiam em você, elas te divulgam. Falam de você para outras pessoas e se envolvem em seu branding/branding pessoal. E isso é incrível para construir um crescimento orgânico.

3. Crie conteúdo que interessa às pessoas e agregue valor

Se você quer atrair pessoas, você precisa criar conteúdo que as chame atenção. Se você quer que elas fiquem, você precisa manter consistência na qualidade de conteúdos que você entrega.

Crie conteúdo que fará com que as pessoas sempre aprendam alguma coisa, ou que faça diferença no dia delas. E mais importante: foque em criar conteúdo de valor que acerte no seu público-alvo, e não para todos os lados. Se você ainda não definiu seu nicho e público alvo, é bom começar a fazer isso!

4. Seja autêntico e/ou tenha um conteúdo autêntico

Autenticidade é muito importante para construir uma imagem consistente e destacada do seu conteúdo. Se você se mistura e é semelhante aos outros de todas as formas, você acaba não tendo nenhum destaque. Ás vezes chega a não ter nada que “atraia a atenção” das outras pessoas e as faça ficar, porque é simplesmente mais do mesmo.

A autenticidade será forte influência para o branding do seu conteúdo. Se destacar é muito importante principalmente quando um nicho já está bastante cheio.

Uma forma óbvia de ser autêntico é sendo você mesmo ou levando para o seu negócio a essência do que você e quem trabalha nela são. Você ser autêntico ou ter uma marca autêntica ás vezes também pode ser por causa de alguma ideia incrível ou um jeito diferente de produzir as coisas.

Se pergunte: O que você faz (ou pode fazer) de diferente que outras pessoas do mesmo nicho não fazem? Qual o toque especial do seu negócio?

5. Tenha uma Identidade Visual bem definida

Identidade visual é uma coisa que por si próprio já diz sobre sua importância: É a sua identidade, é a identidade do seu negócio. A identidade visual é parte muito importante do branding de qualquer negócio. Ela é a primeira impressão que as pessoas terão quando vêem qualquer conteúdo seu. E é pela identidade visual que as pessoas vão reconhecer seu negócio em outros lugares, principalmente.

Quando você está começando um negócio criativo, ás vezes não há ainda um orçamento grande para investir em identidade visual e você tem que fazer tudo por si próprio. Sorte de quem se encaixe nesse caso: O site está repleto de tutoriais, produtos e recursos que podem te ajudar exatamente a criar uma marca com suas próprias mãos.

Mas para quem já tem como investir em identidade visual, é sempre bom procurar um bom designer e que se encaixe com os seus propósitos e estilo para criar uma marca incrível para você.

Quando se trata de Instagram a identidade visual importa bastante. Não é à toa que as pessoas procuram criar um feed organizado e coeso quando seu perfil se trata apenas de fotos: Identidade Visual também inclui fotografia. Porque é a forma como uma marca/criador tem de mostrar o que ele é, seu mood e seu propósito de forma visual.

Então quando você é uma marca que posta mais gráficos no Instagram do que fotos, manter uma identidade que faça as pessoas entenderem quem é a sua marca e reconheçam justamente por isso é muito importante.

Para finalizar, como você pode fazer isso? Bons exemplos são usar fotografias sempre com paleta de cor parecidas ou um mesmo filtro ou fazer gráficos que levam as cores que você gostaria que fossem da sua marca e manter essa variação de cores consistente no feed.

6. Planejamento será sempre essencial

Quando você está à frente e se planeja para postar no Instagram tudo flui muito melhor. Falo isso por experiência própria. Sempre que eu não tenho um post pronto e planejado, eu faço às pressas, acabo colocando num horário errado e a legenda pode sair mal feita.

Existem diversas ferramentas que podem ajudar você a planejar tanto seu feed quanto legendas, que dia e horário postar e até mesmo já deixar hashtags prontas. Um bom exemplo são o Planoly e o Later. Você também pode encontrar essa ajuda em apps como o UNUM ou Preview, e até mesmo o app A Color Story – que é de edição – tem uma parte feita para planejar feed.

O importante é que você entenda o quão precioso é poder planejar à frente conteúdo. Isso também te poupa tempo: Se você tira um dia na semana para agendar os posts que você tem pra postar por exemplo na semana inteira, você estará livre para fazer outras coisas e interagir mais.

Quando você tira um tempo para planejar as coisas também acaba tendo mais calma e visão ampla do que pode escrever como legenda, pode pesquisar com tempo quais serão as melhores hashtags para a foto e até mesmo planejar que foto vem antes e depois.

E como você vai aprender a seguir, você pode planejar elas de acordo com as estatísticas do seu público e de forma estratégica.

7. Estude e trace estratégias para o seu conteúdo e negócio

Estude: Interesse do seu público, persona, estatísticas do seu conteúdo e estude seu próprio nicho, formas de amplificar e divulgar seu conteúdo e formas de melhorar o seu conteúdo.

Interesse do seu público/Persona: O que o seu público gosta? Quais são os interesses dele? Que tipo de coisas seu público faz normalmente, o que eles compram? Que classe financeira eles são? Qual a faixa etária deles? – Use isso de forma estratégica e mude o tom que você aborda dentro do seu conteúdo PARA ISSO.

Inclusive, isso é uma das formas que eu estudo a estratégia de branding para os meus clientes. Estudar público e criar uma persona é muito importante para você sempre atingir quem realmente importa.

Estatísticas do seu conteúdo: Você precisa mudar seu perfil no Instagram de normal para perfil de Creator ou Business para começar a ver as estatísticas. Assim que conseguir ver, tente sempre observar e estudar elas.

Observe que horário seu público está mais ativo, qual a idade deles, onde moram e que fotos foram as mais curtidas por exemplo. Você pouco a pouco vai entendendo o que seu público gosta e assim reproduz mais o que eles gostam traçando uma estratégia em cima disso.

Estude seu próprio nicho: Seguindo a lógica que expliquei mais cedo sobre ter autoridade no assunto, é importante que você saiba e se mantenha atualizado sobre o seu nicho. Tanto para se manter como autoridade quanto para compartilhar bons conteúdos em primeira mão pras pessoas. Sempre tem o que aprender, então, estude!

Amplificar e divulgar seu conteúdo: Você pode pensar e estudar maneiras estratégicas de como atingir as pessoas que importam para o seu conteúdo e divulgar nos canais certos para o seu público alvo. Seja para imagens do seu Instagram como para conteúdos do seu site ou de outras redes sociais e afiliados, produtos, etc.

E não é só com hashtags e compartilhamento que você pode fazer seu conteúdo ser visto. O Pinterest pode ser – e é para mim – uma ferramenta muito forte para divulgar qualquer tipo de conteúdo.

Tudo isso pode ser um diferencial não só para o seu Instagram como para o seu conteúdo e produto/serviço como um todo.

8. Use as hashtags de forma certa e inteligente

Não existe nenhum segredo sobre hashtags: O negócio é você saber que existem as hashtags certas sempre para cada tipo de imagem.

Você precisa colocar palavras chave e hashtags que estejam dentro do que você fala ou do que se trata a imagem e o seu perfil no Instagram. Procure usar sabiamente o limite de 30 hashtags: Coloque algumas hashtags que não sejam tão populares ou relativamente novas, algumas hashtags bem populares mas não coloque coisas redundantes tipo #instagram #post. Isso não te ajuda em nada.

Não vai adiantar muito você inventar alguma hashtag para cada imagem também, pois você quer crescer organicamente, então você quer aparecer para outras pessoas. Logo, você precisa ter suas postagens dentro de lugares onde outras pessoas interajam.

9. Interaja com outras pessoas do seu nicho

Doe para também receber e quem não é visto não é lembrado. Duas frases que definem como deve ser a sua relação com o Instagram em termos de crescimento orgânico.

Do mesmo jeito que você gostaria muito de crescer organicamente, também tem milhões de usuários querendo esse mesmo objetivo. Do mesmo jeito que você quer likes e engajamento, ou que pessoas comecem a seguir o seu perfil, outras pessoas também querem.

E o que você faz? Colabore com outras pessoas mesmo a troco de nada para que elas também acabem colaborando com você.

Não só para esse caso mas, quando você comenta algo relevante em posts de outras marcas e usuários, outras pessoas que também comentarão nesse mesmo post podem ver o que você comentou e visitarem seu perfil. Elas podem gostar do que viram e acabar te seguindo ou pelo menos interagindo em alguns dos seus posts. Ser visto para ser lembrado.

Faça networking com outros negócios criativos e criadores de conteúdo, crie um sistema de amizade e ajuda se for legal e interessante para você. Faça parcerias e trocas com nichos que te complementam.

Como por exemplo, eu tenho um trabalho colaborativo/sócia da @blogstorming.lab que dá assessoria para as pessoas. Nosso trabalho pode estar relacionado ás vezes, e um negócio recomenda o outro.

Outro exemplo? Um dia eu quero poder colaborar com um programador, e assim criar alguns temas para wordpress ou squarespace por exemplo. Eu faço o design e a pessoa cria os códigos por cima disso.

Só entenda que é muito importante agir como comunidade mesmo quando existem concorrências e pessoas que querem crescer no mesmo nicho que você. De todo modo, os usuários do Instagram não seguem uma pessoa só ou um usuário só de cada segmento.

Ela pode seguir tanto a Microsoft quanto a Apple. Pode seguir tanto a The Body Shop quanto a The Beauty Box. Então crie uma comunidade, colabore e ajude outras pessoas e isso retornará a você.

Antes de finalizar esse post eu tenho uma coisa a destacar: Não adianta de nada você vir aqui, ler 20 posts sobre tudo o que poderia saber no segmento de design, empreendedorismo, influencers e internet, se você não botar isso tudo em prática gradativo e consistentemente.

Assim que você aprende algo, comece logo a agir sob as coisas que aprendeu. Se planeje, se organize, comece a criar as coisas que tem que fazer e corra atrás do que quer. Eu posso ajudar você com muitas coisas: Serviços de design e branding, ensinar você a fazer seu próprio design e dar dicas de todos os segmentos que citei. Mas só você pode tomar as rédeas da sua vida e seu negócio. Ok? Ok!

Com muito amor, Thayná Julia.

Thayna Julia

Designer, criadora de conteúdo, apaixonada por games e cultura pop tanto quanto ama o universo da beleza e moda.

Leave a comment

Related Posts

SOBRE

24 anos, apaixonada por criar as coisas. Designer e criadora de conteúdo, com o propósito de te incentivar a ser mais criativo e ter a vida que sonha.

Inscreva-se na newsletter

Receba no seu email freebies, novidades, promos e conteúdo criativo!

Inscreva-se na newsletter

Receba no seu email freebies, novidades, promos e conteúdo criativo!